• Rodolpho Hoth Hoth

Vigília em frente ao STF pela manutenção da prisão em 2ª instância

A sociedade se movimenta e convoca vigília, a partir das 20 horas de hoje, em frente ao STF



Às vésperas do julgamento da questão da prisão em 2ª instância, a sociedade brasileira já se movimenta para impedir que um ato inconsequente libere quase 170 mil condenados.

Apesar de já haver entendimento consolidado na Suprema Corte, a constitucionalidade da prisão em segunda instância SERÁ REVISTA e o STF poderá, AMANHÃ (17/10/2019) mudar seu próprio entendimento pois atualmente, o STF entende que uma pessoa condenada pode começar a cumprir a pena mesmo antes do fim do processo.


Essa mudança no entendimento da Corte pode resultar na soltura de milhares de presos pelo país, inclusive do ex-presidente Lula. A depender da decisão do STF Lula é quase 170 mil condenados por crimes diversos, não só por corrupção, poderão ir para as ruas nessa sexta.


Em números exatos, dados levantados pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) apontam que um total de 169.324 mil presos estavam encarcerados por conta da execução provisória de suas ações criminais até o final do ano passado.


Condenado a 8 anos, 10 meses e 20 dias de prisão no processo relacionado a triplex do Guarujá, Lula está preso por conta de uma sentença proferida pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4). Caso o Supremo revogue, na quinta-feira, o entendimento que permite o cumprimento antecipado da pena, ele poderá ser solto.


Na noite de hoje, 16/10/2019, às vésperas dessa decisão, a partir das 20h acontecerá uma vigília cívica em frente ao Supremo Tribunal Federal.


Divulgue essa vigília para que amanhã, quando os ministros do STF chegarem para votar, possam se deparar com uma imensa multidão que no exercício de seu poder de fiscalização e como legítimos detentores do poder que emana do povo demonstrarão sua indignação e posicionamento contrário à mudança do entendimento da prisão a partir de condenção já na segunda instância.


É a luta das pessoas de bem contra a impunidade.


Rodolpho Hoth Hoth

Jornalista Reg.n.12674/DF

www.fatosverdades.com


18 visualizações

©2018 Rodolpho Hoth Hoth

LIGUE

(61) 98244-5800
 

© 2016 por Rodolfo Hoth. Orgulhosamente criado com Wix.com

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram