• Rodolpho Hoth Hoth

O amor à vida está no sangue.

Campanha "Comunidade mais solidária" incentiva a doação de sangue e cria facilitadores, como transporte em grupo, para aqueles que se dispõem a doar, desmistificando o procedimento de doação.



A Secretaria de Estado de Atendimento à Comunidade – SEAC/DF, em parceria com a Secretaria de Estado de Saúde, Fundação Hemocentro de Brasília, lança hoje (16/01/2020) a campanha permanente “Comunidade Mais Solidária”, voltada à Doação de Sangue por voluntários de todo o Distrito Federal e entorno.


A campanha pretende, além de repor, reforçar os estoques de sangue do Hemocentro que reduzem drasticamente no período das festividades de carnaval, além de munir os milhares procedimentos cirúrgicos programados para os próximos meses nos Hospitais Públicos do DF. São previstas 160 (cento e sessenta) doações no Mutirão que ocorrerá entre os dias 28 e 29 de janeiro no Edifício Sede da Fundação Hemocentro de Brasília no início da Asa Norte.


"Doar sangue não é apenas um ato de solidariedade, é um ato de vida, um ato de cidadania. A doação é 100% voluntária e pode beneficiar qualquer pessoa, independente de parentesco. Pode ser pai, mãe, irmão, amigo ou até mesmo uma pessoa que você nunca viu na vida. O que temos que pensar é que não importa quem será beneficiado, o importante é que com a sua doação pessoas terão novas oportunidades, novos sonhos, novas chances de recomeçar." - Severino Cajazeiras

Se você tem entre 16 e 69 anos de idade e pesa mais de 50 kg é um doador em potencial, a restrição para doação é aplicada a pessoas com anemia, hiper ou hipotensão, febre e aumento ou diminuição dos batimentos cardíacos, pessoas com febre, gripe ou resfriado, diarreia recente, grávidas e mulheres no pós-parto não podem doar temporariamente.


Os requisitos para doar sangue é estar com bom estado de saúde e seguir os seguintes passos:

  • Estar alimentado

  • Evitar alimentos gordurosos nas 3 horas que antecedem a doação de sangue.

  • Caso seja após o almoço, aguardar 2 horas.

  • Ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas.

  • Pessoas com idade entre 60 e 69 anos só poderão doar sangue se já o tiverem feito antes dos 60 anos.

  • A frequência máxima é de quatro doações de sangue anuais para o homem e de três doações de sangue anuais para as mulher.

  • O intervalo mínimo entre uma doação de sangue e outra é de dois meses para os homens e de três meses para as mulheres.


As orientações completas da Fundação Hemocentro de Brasília para a doação de sangue podem ser consultas aqui.

Se você reunir um grupo de 8 pessoas doadoras a SEAC disponibilizará transporte para levá-los ao hemocentro para a realização da coleta. Aos Doadores, será fornecido certificado de comparecimento que abona a ausência do trabalho, além de servir como horas complementares aos Estudantes.


Informações adicionais: (61) 99531-9672


Rodolpho Hoth Hoth

Jornalista Reg.n.12674/DF

www.fatosverdades.com


7 visualizações

©2018 Rodolpho Hoth Hoth

LIGUE

(61) 98244-5800
 

© 2016 por Rodolfo Hoth. Orgulhosamente criado com Wix.com

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now